DIRETORIA DE CULTURA E PATRIMÔNIO HISTÓRICO - DICULP

 

É o órgão responsável pela gestão das políticas e ações da cultura e patrimônio cultural do município.

Minas Gerais, a partir de 1996, a lei estadual que passou a regulamentar esse repasse da verba do ICMS aos municípios foi Lei Estadual n° 12.04017, que ficou popularmente conhecida como “Lei Robin Hood”. Essa lei estabelecia critérios para o repasse dessa verba, dentre eles o critério “patrimônio cultural”.

Essa lei foi uma estratégia encontrada pela administração estadual para a indução da adesão dos municípios, no âmbito do patrimônio cultural, à descentralização administrativa incentivada pela Constituição da República Federativa do Brasil de 1988.

 

Equipe:
Cremilda Lopes Pereira de Souza - Secretária Municipal de Cultura, Turismo, Esporte e Lazer

____________________________________ - Diretora do DICULP

Valdemar Adriano Bastos – Divisão de Formação, Fomento e Captação de Recursos

Kelle Cristina Marcolino - Divisão de Controle e Promoção de Eventos

 

Segue a listas dos bens protegidos no município:

 

Aqui você conhecerá as principais ações de Educação e Difusão do Patrimônio Cultural de Planura :

Abaixo os bens culturais cujo inventário foi atualizado em 2020 - exercício 2022:

 

LISTAGEM_BENS_CULTURAIS_ATUALIZADOS_2020-page-001.jpg